ARQUITETOS EM DESTAQUE, PRÊMIOS, RECENTES|

O Hospital de Urgências de São Bernardo do Campo,  projeto do escritório SPBR Arquitetos, de Angelo Bucci,  foi escolhido como Melhor Obra de Arquitetura pela  APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes).

 

A escolha aconteceu em assembleia que reuniu os críticos no Sindicato dos Jornalistas do Estado de S. Paulo na noite da última segunda-feira, 09 de dezembro. O Prêmio reúne, além da Arquitetura, as seguintes categorias: Artes Visuais, Cinema, Dança, Literatura, Música Popular, Rádio, Teatro, Teatro Infanto-Juvenil e Televisão.

 

Neste ano, a diretoria da entidade concede o Prêmio Especial da APCA para a atriz Fernanda Montenegro, por seu protagonismo na defesa da liberdade de expressão, representatividade e contribuição inequívocas em quatro categorias das artes contempladas pelo troféu: Cinema, Literatura, Teatro e Televisão.

 

Os demais premiados na categoria Arquitetura foram:

 

  • Resistência ambiental: Centro Experimental Floresta Ativa, Cristina Xavier
  • Valorização da arquitetura no debate público: Gestão IAB-SP 2017-2019
  • Valorização do Patrimônio Arquitetônico: Jornada do Patrimônio – Departamento do Patrimônio Histórico (DPH) da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo
  • Valorização da arquitetura no debate público: Gestão IAB-SP 2017-2019Valorização do Patrimônio Arquitetônico: Jornada do Patrimônio – Departamento do Patrimônio Histórico (DPH) da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo
  • Trajetória dedicada à Universidade Pública e à pesquisa acadêmica: Nestor Goulart Reis Filho
  • Urbanidade: Estação São Paulo-Morumbi, 23 Sul Arquitetura
  • Apropriação urbana: Redes da Maré

 

Votaram: Abilio Guerra, Fernando Serapião, Francesco Perrotta-Bosch, Gabriel Kogan, Guilherme Wisnik, Hugo Segawa, Luiz Recaman, Maria Isabel Villac, Mônica Junqueira de Camargo, Renato Anelli

 

A cerimônia de entrega a todos os artistas contemplados neste Prêmio APCA acontecerá no Teatro Sérgio Cardoso em 17 de fevereiro de 2020, ano em que a entidade realiza sua 63ª. premiação.

 

Clique aqui para conhecer os premiados das demais categorias.

 

GANHADORES NA CATEGORIA ARQUITETURA

 

  • Melhor obra de arquitetura: Hospital de Urgências de São Bernardo do Campo, SPBR Arquitetos – Angelo Bucci

 

Hospital de Urgência em São Bernardo do Campo. Imagem: SPBR

Hospital de Urgência em São Bernardo do Campo. Imagem: SPBR

Hospital de Urgência em São Bernardo do Campo. Imagem: SPBR

  • Resistência ambiental: Centro Experimental Floresta Ativa, Cristina Xavier

Centro Experimental Floresta Ativa – CEFA. Imagem: Divulgação

Centro Experimental Floresta Ativa – CEFA. Imagem: Divulgação

Centro Experimental Floresta Ativa – CEFA. Imagem: Divulgação

 

  • Valorização da arquitetura no debate público: Gestão IAB-SP 2017-2019

 

  • Valorização do Patrimônio Arquitetônico: Jornada do Patrimônio – Departamento do Patrimônio Histórico (DPH) da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo

 

  • Trajetória dedicada à Universidade Pública e à pesquisa acadêmica: Nestor Goulart Reis Filho

Nestor Goulart Reis Filho. Imagem: Léo Ramos

 

  • Urbanidade: Estação São Paulo-Morumbi, 23 Sul Arquitetura

Estação São Paulo – Morumbi. Imagem: 23 SUL /Loos Digital

Estação São Paulo – Morumbi. Imagem: 23 SUL /Loos Digital

Estação São Paulo – Morumbi. Imagem: 23 SUL /Loos Digital

 

  • Apropriação urbana: Redes da Maré

 

Votaram: Abilio Guerra, Fernando Serapião, Francesco Perrotta-Bosch, Gabriel Kogan, Guilherme Wisnik, Hugo Segawa, Luiz Recaman, Maria Isabel Villac, Mônica Junqueira de Camargo, Renato Anelli.

 

Celso Curi, presidente da APCA, em seu segundo mandato à frente da entidade, reitera a necessidade de atuação e fortalecimento da crítica cultural, num momento em que a luta é contra quaisquer tipos de retrocesso. “A livre atuação da crítica cultural é também uma garantia de resistência no campo artístico. Nossa luta é e será sempre pelo respeito à Constituição, que no seu artigo 5º. inciso IX diz que ‘é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independente de censura ou licença’ ”.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close Search Window